3 ferramentas de idiomas e organização que te ajudarão a aprender uma nova língua

3 ferramentas de idiomas e organização que te ajudarão a aprender uma nova língua

Quem busca aprender uma ou mais línguas hoje em dia precisa do auxílio de ferramentas de idiomas que vão ajudar a organizar seu tempo, compreender seus objetivos e aprendê-las de forma natural.

Segundo reportagem do correio braziliense, quem domina o inglês fluentemente pode ganhar até 51,89% a mais dentro nas corporações, visto que o profissional que se dedicou e esforçou-se no aprendizado do idioma pode facilitar a forma da empresa se comunicar em âmbito internacional.

Ferramentas de idiomas - o mercado de trabalho para quem sabe inglês fluente

Essa vantagem empresarial acaba tornando o profissional bilíngue uma pessoa requisitada no mercado.

Porém, embora você saiba da necessidade que é aprender uma nova língua, muitos não sabem por onde começar ou enfrentam alguns empecilhos pelo caminho.

A falta de tempo devido a extensa rotina e a falta de concentração são alguns desses obstáculos.

Nem todo mundo tem tempo ou paciência para enfrentar um curso de idiomas presencial por anos até se tornar fluente.

Embora nossa dificuldade seja perceptível, algumas pessoas conseguem aprender de forma simples, através do uso de ferramentas de idiomas.

Um exemplo é do Otávio do site Diário de um Poliglota, que hoje fala mais de 3 línguas em que aprendeu através de estratégias e ferramentas de idiomas que o ajudaram a chegar na fluência, ele preparou um e-book bem bacana que você pode baixar nesse link.

Portanto, se você que não tem tempo a perder, estudar com o uso de instrumentos para aprender um novo idioma ou aprimorar o que você já sabe é fundamental.

A fim de te ajudar nessa missão, preparamos esse artigo em que explicamos detalhadamente cada uma.

Ferramentas de idiomas: opções para te ajudar a se tornar um poliglota

Antes de explicarmos detalhadamente como utilizar cada ferramenta de idioma, você precisa compreender que para se chegar a fluência em qualquer língua, seja ela inglês, francês ou até mesmo mandarim, você precisará dominar essas três habilidades.

  • Escutar;
  • Falar;
  • Ler.

É fundamental que você domine cada um desses elementos, além disso, dedicação pode também ser considerado outro fator decisivo, principalmente quando você está estudando sozinho.

Para quem estuda inglês, preparamos uma coletânea com os quatro melhores livros em inglês para iniciantes para você baixar e ler de onde estiver, é só acessar. 😉

1. Trello

Algumas pessoas já utilizam o trello para organizar atividades pessoais ou na empresa para gerenciamento de equipes.

Para quem não sabe, o trello é um aplicativo de gerenciamento de projetos em que você utiliza quadros para organizar-se através de um planejamento cuidadoso.

Com essa ferramenta você pode criar um quadro voltado ao desenvolvimento da língua que você está aprendendo, caso você não saiba como fazer isso, você pode copiar este quadro disponibilizado pelo próprio aplicativo.

Desse modo você atingirá cada vez mais metas e poderá avançar no aprendizado utilizando o trello como uma das ferramentas de idiomas.

Perceba que utilizando o trello você aprenderá um pouco todos os dias de um ou mais de um idioma e poderá auxiliar seu aprendizado através do uso de filmes e podcasts na língua escolhida.

Claro que no começo será difícil, mas com o passar do tempo você terá familiaridade com as palavras e frases.

Clique aqui e conheça o trello.

Mas seu problema é falta de concentração? Então veja essa segunda ferramenta.

2. A técnica Pomodoro

Você já ouviu falar da técnica pomodoro? Trata-se de uma das melhores ferramentas para organizar o tempo nos dias atuais, desde aprender idiomas a fazer seu TCC.

A técnica de pomodoro é uma forma de gerenciamento de tempo desenvolvida em 1980.

Utilizando essa técnica você poderá dividir o seu trabalho em etapas de 25 minutos com o uso de um cronômetro.

Segundo seu idealizador, as pausas frequentes ajudam no raciocínio e no foco, visto que seu cérebro ficará acostumado a receber as “recompensas” (descanso) no fim de cada ciclo.

Para utilizar essa técnica siga os passos a seguir:

  1. Planeje o que você tem para fazer ou aprender dentro de um determinado tempo;
  2. Pegue um cronômetro no celular ou acesse esse site e organize-se para começar;
  3. Inicie o aprendizado, enquanto você estiver estudando, você estará focado (esse é o principal objetivo);
  4. Após os 25 minutos faça uma pausa rápida de 5 minutos e volte ao trabalho;
  5. Repita. Aqui você começará outra sessão de tempo.

Após realizar quatro sessões de 25 minutos, você pode fazer uma pausa mais longa de também 25 minutos e após a pausa iniciar um novo ciclo.

O pomodoro é uma das ferramentas de idiomas mais eficientes que existe atualmente, principalmente quando o objetivo é aprender uma nova língua.

3. Evernote

Eis uma das principais ferramentas de produtividade existentes que poderá facilmente ser utilizada para o aprendizado de uma nova língua.

Através desse aplicativo podemos organizar nossas informações pessoas em notas e organizá-las em cadernos.

Você poderá facilmente organizar tudo disponível na internet em um arquivo só seu.

Se por exemplo, você gostou daquele texto em inglês, você salva no evernote e lê depois.

O evernote é uma ferramenta que te ajudará a aprender uma nova língua através da organização e coleta de informações.

O aplicativo é fácil de utilizar e é totalmente grátis, mas existe uma versão premium, você pode acessar esse link e garantir um mês de acesso premium para você aprender a manuseá-lo.

Dica bônus: utilizando o Google.com para aprender qualquer idioma

 

 

Até aqui você conheceu as mais diversas ferramentas de idiomas para te auxiliar no aprendizado de uma nova língua.

E eu acredito que você não utilize o google nesse objetivo, aliás poucos usam.

Milhares de pessoas pesquisam todos os dias no Google, seja para aprender uma receita ou como construir uma casa.

O certo é que o Google é uma ferramenta fantástica para aprender novos idiomas e você poderá utilizá-la fazendo pesquisas e escrevendo no idioma que você quer sobre o assunto do seu interesse.

Por exemplo, digamos que você está aprendendo inglês e está buscando uma receita de pudim na internet.

Utilize o google, faça a pesquisa no idioma que você está aprendendo, assim você irá aprender de forma ativa e forçará seu cérebro a raciocinar na hora de criar frases e elaborar questionamentos.

Conclusão

Se você chegou até aqui deve ter aprendido muito sobre as ferramentas de idiomas disponíveis, essas quatro eu considero indispensáveis.

Agora que tal relatar a sua experiência sobre o aprendizado de idiomas? Deixe seu comentário abaixo contando suas maiores dificuldades.

Você também está convidado a compartilhar esse conteúdo com os amigos, e caso tenha interesse em Direito, acesse o link e baixe uma clt comparada inteiramente grátis. Até a próxima!

3 ferramentas de idiomas e organização que te ajudarão a aprender uma nova língua
5 (100%) 7 votes

Tem dúvidas, sugestões, ou quer compartilhar algo? Deixe um comentário.