Skip to content

O que faz um especialista em automação residencial?

Todos nós temos a imagem de um homem acendendo e apagando luzes com apenas duas palmas…. Hoje é mais do que uma realidade, a automação residencial está implantada nas nossas casas de uma forma ou de outra, mas é um campo que ainda tem um longo caminho a percorrer e os arquitetos podem ter um papel fundamental neste desenvolvimento.

A automação residencial permite que a gestão de uma casa seja eficiente. A economia de energia é um dos grandes pontos fortes desse tipo de tecnologia doméstica.

Por meio do uso de sensores, possibilita um maior aproveitamento dos recursos naturais.

O principal objetivo de uma instalação de automação residencial é oferecer conforto ao usuário, aliando-o à segurança. Além disso, também serve para facilitar o dia a dia das pessoas com deficiência.

O que faz um especialista em automação residencial?

O que faz um especialista em automação residencial com uma lâmpada?

O profissional que se dedica ao sector da implementação de sistemas inteligentes no lar é o principal responsável pela gestão, supervisão e reparação de qualquer equipamento de automação residencial.

Como técnico, você deve ter conhecimentos de informática e das linguagens utilizadas neste tipo de comunicação.

Existem também empregos mais especializados nos quais se realizam trabalhos específicos numa área mais concreta da automação residencial, e que requerem certos conhecimentos que permitem lidar com tecnologias pouco usuais.

Hoje em dia, os sistemas automatizados já estão sendo necessários para melhorar a sustentabilidade através de uma maior poupança de energia em casa, sendo também uma mais-valia para a reavaliação de um imóvel.

A formação nesta área será, portanto, essencial para se posicionar como um profissional exigido por empresas e indivíduos.

Algumas das funções dos técnicos de automação residencial

  • Realiza o estudo de zoneamento do efeito do ar condicionado da casa.
  • Interpreta os planos e diagramas da instalação.
  • Controla a programação do ar-condicionado.
  • Executa a revogação dos níveis de temperatura.
  • Seleciona o modo de operação do ar-condicionado.
  • Programa os eletrodomésticos em casa, sendo que devem ser gerenciados através da internet. Para isso, os técnicos de automação residencial devem conferir o estado e velocidade dessa ligação através do teste de cobertura Nos.
  • Organiza a automatização da iluminação.
  • Supervisiona a instalação de sensores para controlar as luzes.
  • Supervisiona e colabora na instalação de sensores para controle de intrusão, detecção de incêndio, simulação de presença, detecção de vazamento de água, gerenciamento de tarifas e alertas médicos.

A preocupação crescente com o meio ambiente e ainda a consciência das pessoas no que diz respeito à economia de energia, tem transformado a automação residencial em um setor cada vez mais procurado e essencial no nosso dia a dia.

Agora que você já sabe o que faz um especialista em automação residencial, aposte em sua formação e faça parte de um setor que já se encontra no auge!