Skip to content

O que é e o que faz um Analista de Dados ou Big Data Analyst?

A indústria de Big Data juntamente com Cloud Computing e Inteligência Artificial não param de crescer. Graças a isso, novos perfis profissionais surgem a cada dia, como o Analista de Dados ou Data Analyst, que se tornou um dos perfis mais solicitados no setor.

Se você quer saber em que consiste o trabalho de um Analista de Dados, continue lendo!

O que é e o que o Analista de Dados ou Data Analyst faz?

Analista de dados olhando o computador

O Analista de Dados ou Analista de Big Data é um perfil profissional que graças à interpretação dos dados pode estabelecer estratégias dentro de uma empresa.

Portanto, você deve saber como coletar dados, bem como analisá-los estatisticamente. Através da grande quantidade de análise de dados, a empresa exige um perfil que encontre padrões neles para realizar algumas ações ou outras.

Funções do dia a dia de um analista de Big Data

Trabalhando numa empresa com presença digital, e de forma a analisar o comportamento do cliente, o analista é responsável por:

  • Extrair, processar e agrupar dados;
  • Analisar esses grupos de dados;
  • Gerar relatórios.

O analista de dados é uma figura que será necessária em qualquer setor e departamento. Portanto, você deve estar preparado para apresentar dados em qualquer etapa da empresa.

A comunicação eficaz deve ser uma de suas características, sendo sua missão que todos os funcionários da empresa entendam os dados com os quais trabalham.

Cinco razões pelas quais as empresas procuram um analista de dados

O salário médio dos analistas de dados revela o reconhecimento e o valor que eles agregam ao seu trabalho. Por quê?

Um bom Analista de Dados tem cinco características que toda empresa busca. Saiba quais:

1. Curiosidade para analisar e interpretar dados

A primeira grande razão pela qual um Analista de Dados é importante em uma empresa é porque ele é uma pessoa que gosta de pegar dados, analisá-los e tirar o máximo proveito deles.

Um perfil importante se você levar em conta a grande quantidade de dados que as empresas armazenam e devem tratar.

2. Um perfil familiarizado com números

O Analista de Dados é um especialista em Matemática e Estatística. Ou seja, o bom Business Data Analyst sabe como lidar com números, entendê-los e orientá-los para o negócio para o qual trabalham.

Uma habilidade que nem todos os perfis digitais possuem e que torna o Analista de Dados tão cuidadoso e importante para as empresas.

3. Capacidade de resolver problemas

Uma das características mais comuns de um bom Analista de Dados é ser uma pessoa voltada para a solução de problemas, que se destaca pela resolutividade.

O Business Data Analyst se destaca por saber solucionar os problemas que surgem, um dos pontos que caracterizam um bom trabalhador.

4. Sabe como resolver problemas técnicos

Ele não apenas sabe como analisar, interpretar e contornar números.

Todo bom Analista de Dados se destaca por sua capacidade de resolver problemas técnicos, pois tem conhecimento de programação e sabe usar linguagem informática: HTML, CSS, SaaS, PHP, Cloud…

5. Adapta-se a qualquer setor

Além de trabalhar com dados e números, ser decidido e saber trabalhar com linguagem de computador, outra característica que deixa o Analista de Dados em boa posição é que ele sabe se adaptar a qualquer setor.

A rapidez de adaptação a uma empresa, independentemente do seu setor, é outra razão pela qual as empresas valorizam positivamente o perfil do Analista de Dados.

Um dos casos mais atuais, e que tem vindo a ter maior importância, é a aplicação desta tecnologia no setor da energia elétrica.

Hoje em dia, as empresas comercializadoras de eletricidade podem ter mais dados que lhes permitem ajustar a compra e a venda de energia graças ao conhecimento do consumo dos seus clientes.

Essas comercializadoras poderão oferecer aos seus clientes mais conselhos e melhorias como alteração da potência contratada ou uma tarifa de energia elétrica mais adequada ao seu consumo, permitindo ao usuário economizar o máximo possível.

Este tipo de formação pode ser realizado em Mestrado, Pós-Graduação ou Cursos.

Em todas elas deve ser ministrada uma formação prática que esteja atualizada com as inovações e novos desafios e com uma metodologia voltada para a inserção no mercado de trabalho.

Por isso, se você gosta de analisar e interpretar dados, e pretende uma profissão do futuro, aposte em Big Data Analyst.